Suíça abre vagas para quem fala português com salário de 4.350 euros

Trabalhar na Suíça, o país é um dos lugares mais procurados para quem procura um lugar para se estabelecer tanto de forma periódica ou permanente.

Post atualizado: de junho de 2023!

Tópicos adicionados:

  1. Trabalhar na Suíça como estrangeiro brasileiro pode oferecer várias vantagens. Aqui estão algumas delas:
  2. Dicas para encontrar trabalho na Suíça:

Trabalho na Suíça:

Conforme o relatório do Departamento Federal de Estatística da Suíça (Office fédéral de la statistique – BFS), em janeiro de 2023, havia mais de 51 mil vagas disponíveis no país europeu aguardando preenchimento. Muitas dessas oportunidades de emprego na Suíça estão concentradas em setores que normalmente enfrentam escassez de mão de obra, como saúde e restaurantes.

De acordo com o portal da Radio Télévision Suisse (RTS), a situação da escassez de trabalhadores é ainda mais complexa devido à baixa taxa de desemprego. Em janeiro de 2023, a Suíça registrou uma taxa de desemprego de 2,2%, a mais baixa em vinte anos no país europeu.

As vagas na Suíça para quem fala Português

Existem oportunidades de emprego na Suíça para falantes de português em um mercado com poucos candidatos. De acordo com o site português Human Resources, os salários iniciais são bastante atrativos, com algumas profissões tendo um mínimo de € 4.350 euros (convertidos de francos suíços).

Segundo o portal, muitas empresas estão em busca de profissionais fluentes em português, principalmente na área da construção civil na Suíça. Há vagas disponíveis para trabalhadores especializados em diversas áreas, como obras, concretagem, cofragem, vibração, construção em alvenaria, novas construções e reforço de estruturas. Essas oportunidades oferecem excelentes salários e vagas na Suíça.

Interessados nessas ofertas de emprego podem iniciar suas atividades imediatamente, e as condições são bastante atrativas, incluindo bons salários, contrato de trabalho e oportunidades de progressão de carreira.

As vagas abertas podem ser encontradas na rede social profissional LinkedIn ou no portal de vagas Negociável.

Falta de mão de obra no setor elétrico

Conforme mencionado pela RTS, a combinação entre a baixa taxa de desemprego e o envelhecimento da população está criando desafios sem precedentes para as empresas na Suíça em termos de recrutamento. Essa situação se aplica a todos os tipos de cargos, desde os mais qualificados até os menos qualificados. Um setor em particular que está sendo amplamente afetado e enfrenta um grande número de vagas não preenchidas é o de eletricistas.

Muitas pequenas e médias empresas estão enfrentando dificuldades para encontrar profissionais qualificados, resultando em prejuízos para o país europeu. A escassez de trabalhadores qualificados e os desafios de recrutamento já estão impactando negativamente a economia suíça.

O mercado de trabalho na Suíça para quem fala língua portuguesa

O mercado de trabalho na Suíça é amplamente reconhecido como um dos mais robustos e estáveis da Europa, com baixas taxas de desemprego e uma demanda significativa por trabalhadores qualificados. Com a presença de diversas empresas internacionais, o país oferece oportunidades promissoras para profissionais fluentes em múltiplos idiomas, especialmente nos setores financeiro, bancário, de seguros e farmacêutico.

Além disso, a Suíça é conhecida por seus salários altos e condições de trabalho favoráveis, o que a torna um destino muito atrativo para trabalhadores estrangeiros. No entanto, é importante ter em mente o custo de vida elevado no país e a natureza competitiva do mercado de trabalho, especialmente para determinadas funções e setores.

As condições de trabalho no país

De maneira geral as condições de trabalho na Suíça são tidas como excelentes. Isso porque o país tem uma cultura que valoriza a qualidade de vida e um melhor equilíbrio entre a vida profissional e pessoal.

Sem contar na segurança no emprego que os trabalhadores encontram. Confira outros benefícios:

  • Horário de trabalho flexível: muitas empresas na Suíça oferecem horários de trabalho flexíveis, permitindo que os funcionários comecem e terminem o trabalho fora do horário tradicional das 9h às 17h.
  • Férias generosas: os funcionários suíços têm direito a pelo menos 4 semanas de férias remuneradas por ano, e muitas empresas oferecem mais.
  • Segurança no emprego: As taxas de desemprego na Suíça são baixas e os trabalhadores geralmente desfrutam de forte segurança no emprego.
  • Previdência social: A Suíça possui um sistema de previdência social abrangente que oferece benefícios como seguro-desemprego, planos de pensão e licença médica remunerada.
  • Seguro de saúde: O sistema de seguro de saúde suíço é considerado um dos melhores do mundo e a maioria dos funcionários é obrigada a ter cobertura de seguro de saúde.
  • Benefícios aos funcionários: Muitas empresas suíças oferecem uma variedade de benefícios aos funcionários, como pensões patrocinadas pela empresa, benefícios flexíveis e oportunidades de desenvolvimento profissional.

Vagas de trabalho na Suíça; melhores cidades

A Suíça é conhecida por ser um país altamente desenvolvido, com boas infraestruturas e grande qualidade de vida. Algumas das melhores cidades para se viver na Suíça são:

  • Zurique
  • Genebra
  • Berna
  • Lausanne
  • Basel

Como referido antes, a Suíça é mundialmente conhecida por ter um alto custo de vida. As cidades consideradas as melhores para viver, também são as mais caras. Zurique, por exemplo, é conhecida por seus altos salários e por ser cosmopolita e internacional, contudo é uma das cidades mais caras da Suíça, com alto custo de moradia. Genebra é outro exemplo, assim como Basel, Berna (que é a capital) e Lausanne.

É importante observar que o custo de vida pode variar dentro de cada cidade. Isso depende de fatores como localização, tamanho da moradia e proximidade de comodidades. No entanto, no geral, essas cidades são consideradas as mais caras da Suíça. Se você está pensando em uma mudança para o país devem fazer um orçamento adequado e um bom planejamento.

O idioma na Suíça e o custo de vida

A Suíça é um país multilíngue, onde são falados quatro idiomas principais: alemão, francês, italiano e romanche. Muitas empresas de recrutamento em Portugal estão em busca de profissionais de áreas técnicas, e o domínio da língua local não é sempre obrigatório. Como a maioria das vagas está relacionada à construção civil, não há necessidade de interação direta com o público.

No entanto, é altamente recomendado estudar o idioma falado no cantão em que se pretende morar para facilitar a adaptação ao dia a dia. Além disso, ter conhecimento de um segundo idioma, como o inglês, pode ajudar na comunicação com outros colegas de trabalho.

O custo de vida na Suíça é considerado elevado, principalmente quando comparado a outros países europeus, e em algumas cidades, pode estar entre os mais altos do mundo. Alguns dos principais gastos que contribuem para o alto custo de vida no país incluem moradia, alimentação, transporte, saúde e impostos.

Apesar do alto custo de vida, muitas pessoas são atraídas pela Suíça devido à alta qualidade de vida, excelente infraestrutura, mercado de trabalho sólido e oportunidades disponíveis.

E é essencial que aqueles que estejam considerando se mudar para a Suíça analisem cuidadosamente seu orçamento e garantam que sua renda seja suficiente para cobrir o custo de vida no país.

Trabalhar na Suíça como estrangeiro brasileiro pode oferecer várias vantagens. Aqui estão algumas delas:

  1. Salários atrativos: A Suíça tem um dos salários mais altos do mundo, o que significa que você pode esperar receber um salário competitivo, mesmo em empregos de nível inicial.
  2. Excelente qualidade de vida: A Suíça é conhecida por sua qualidade de vida excepcional. O país tem uma infraestrutura bem desenvolvida, serviços de alta qualidade, um sistema de saúde eficiente e paisagens deslumbrantes.
  3. Estabilidade econômica: A economia suíça é estável e resiliente, com baixas taxas de desemprego. Isso oferece uma maior segurança no emprego e oportunidades de progresso profissional.
  4. Localização central na Europa: A Suíça tem uma localização geográfica estratégica no centro da Europa, o que facilita a viagem para outros países europeus, permitindo explorar e conhecer diferentes culturas e oportunidades.
  5. Ambiente de trabalho multicultural: A Suíça é um país multicultural, com uma grande população estrangeira. Isso cria um ambiente de trabalho diversificado, onde você pode interagir com pessoas de diferentes origens e expandir seu conhecimento cultural.

Dicas para encontrar trabalho na Suíça:

  1. Conheça as leis de imigração: Antes de começar a procurar emprego, familiarize-se com as leis de imigração suíças e os requisitos para trabalhadores estrangeiros. Certifique-se de ter a documentação necessária para trabalhar legalmente no país.
  2. Aprimore suas habilidades linguísticas: Embora a Suíça seja multicultural, o conhecimento dos idiomas locais, como o alemão, francês ou italiano, é altamente valorizado pelos empregadores. Invista tempo em aprimorar suas habilidades linguísticas antes de se mudar.
  3. Pesquise sobre o mercado de trabalho: Explore as áreas de trabalho em que você tem experiência e pesquise as oportunidades disponíveis na Suíça. Identifique setores em crescimento e descubra quais habilidades são demandadas no mercado suíço.
  4. Adapte seu currículo: Ao se candidatar a empregos na Suíça, adapte seu currículo para atender às expectativas e normas locais. Destaque suas habilidades relevantes e experiência anterior que possam ser aplicadas ao mercado de trabalho suíço.
  5. Networking: Faça contatos profissionais na Suíça, tanto online quanto pessoalmente. Participar de eventos e grupos relacionados à sua área de interesse pode ajudá-lo a conhecer pessoas influentes no setor e aumentar suas chances de encontrar oportunidades de trabalho.
  6. Utilize plataformas de emprego: Existem várias plataformas de emprego na Suíça, como o LinkedIn, Indeed e SwissJobs, onde você pode pesquisar por vagas e enviar seu currículo para as empresas.
  7. Considere trabalhos temporários ou estágios: Começar com trabalhos temporários ou estágios pode ser uma maneira eficaz de se inserir no mercado de trabalho suíço, ganhar experiência local e estabelecer contatos profissionais valiosos.

Lembre-se de que o processo de busca de emprego pode levar tempo e esforço. Esteja preparado para enfrentar desafios, seja persistente e mantenha-se atualizado com as últimas tendências do mercado de trabalho na Suíça. Boa sorte em sua jornada profissional!

Veja mais posts sobre a Suíça a seguir:

Um guia para imigrantes brasileiros que desejam morar na Suíça –

Suíça irá facilitar que trabalhadores qualificados residem no país

Vila na Suíça paga até €50 mil euros para você se mudar; confira

Como morar na Suíça e desfrutar do melhor da Europa! País facilita

Previous post Empresa de carnes abre mais de 300 vagas de empregos em Portugal; veja como se candidatar
Next post Arrendamento T2 (450 euros) em Braga