Portugal recebeu 300 mil turistas brasileiros em dois meses; apenas 256 foram recusados

Imagem: Google

A forte onda de calor que tem atingido o país europeu tem atraido turistas de diversas partes e principalmente do Brasil.

O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) registrou a entrada de 3,5 milhões de turistas estrangeiros em Portugal entre 4 de junho e 3 de agosto, dos quais 300 mil são brasileiros, o segundo maior grupo de viajantes vindos de fora, somente atrás dos britânicos.

No mesmo período, 256 brasileiros tiveram a entrada recusada em Portugal, representando mais da metade das 500 pessoas que foram impedidas de entrar no país, a maioria por falta de visto adequado ou por falta de comprovação do objetivo de entrada.

Portugal, que enfrenta uma onda de forte calor, é hoje um dos países mais procurados por turistas estrangeiros de todo o mundo. Nesses dois meses, 9.500 voos vindos de fora pousaram no país, mais precisamente nos aeroportos de Lisboa, Porto, Faro, Funchal e Ponta Delgada.
O enorme fluxo de turistas estrangeiros obrigou o SEF a reforçar o atendimento nos aeroportos, que, em vários dias, enfrentaram longas filas nos guichês de imigração e nos saguões dos terminais, devido aos atrasos nas decolagens.
“Não obstante o grande número de voos e o volume de passageiros, foi possível, no período em apreço, alcançar resultados de processamento de passageiros satisfatórios, com a quase inexistência de constrangimentos assinaláveis no controlo de fronteira à entrada e à saída do país, após o início da implementação do Plano de Contingência, que se traduziram numa redução muito significativa do tempo máximo de espera por passageiro”, explicou o SEF.
Via EM
Previous post Rececionista (m/f) – Fitness UP Maia Shopping – Porto
Next post Auxiliar de Limpezas (M/F) – Cartaxo – Santarem
Vila na Suíça paga até €50 mil euros para você se mudar; confira outros países Vagas para Pedreiros e Soldadores (1370 euros) – Aveiro VAGAS PARA BRASILEIROS NA VOLKSWAGEN EM PORTUGAL Vagas em Luxemburgo para quem fala português; com salário de 4.700 euros Vagas em Luxemburgo para quem fala português; com salário de 4.700 euros