O que é o Etias? Novo documento para poder entrar na Europa

Os novos viajantes brasileiros que pretendem viajar para Portugal se depararam com uma notícia sobre um novo documento que será necessário para entrar na Europa chamado Etias. Muita gente se preocupou com a nova norma que poderá entrar em vigor em maio de 2023.

Vamos explicar e responder algumas dúvidas sobre o ETIAS. E inclusive já adiatamos, não há nenhum empecilho com esse novo documento para a entrada aos países que fazem parte da Europa, incluindo Portugal.

 

O Etias pedirá: informações pessoais básicas, como nome, endereço, data de nascimento e dados do passaporte. O endereço do site ainda não foi divulgado. Ele não será como um visto, mas pedirá informações pessoais do turista (no caso do Brasil) para entrar em um dos 27 países europeus, (incluindo Portugal).

Objetivo do Etias:

O novo documento será garantir a segurança dos países europeus.

chamado de Sistema Europeu de Informação e Autorização de Viagens, é uma plataforma digital que vai determinar se uma pessoa pode ou não entrar no Espaço Schengen, por meio de análise de informações pessoais preenchidas em formulário online, como data de nascimento, antecedentes criminais e informações sobre a viagem.

Ao checar os dados fornecidos em diferentes bancos de dados, o Etias poderá detectar se a pessoa representa ameaça a algum dos países da região.

O que é o espaço Schengen?

Espaço Schengen é a junção de 26 países da Europa que firmaram um acordo de política de livre circulação entre pessoas nas nações signatárias. Nem todos os países da União Europeia assinaram o documento, no caso da Irlanda. 

O objetivo do Etias é garantir a segurança para que ninguém possa ser uma potencial ameaça aos países do tratado.

Etias não é um visto:

O Etias não chega a ser um visto, mas uma autorização para quem vai viajar a turismo ou a negócios. Ele é voltado justamente para países que não precisam de visto para entrar no Espaço Schengen. Países dos quais é exigido visto de entrada não terão acesso ao Etias. No caso do Brasil, só quem pretende viajar para trabalhar ou estudar precisa solicitar o visto.

Quanto tempo vale o Etias:

Assim como já é atualmente, o Etias permite estadias de curta duração por até 90 dias, dentro de períodos de 180 dias, ou seja, após voltar ao país de origem, seria preciso um intervalo de pelo menos 90 dias para retornar à Europa.

Duração do Etias:

A duração do Etias será de 3 anos, a menos que o passaporte do viajante expire antes.

Obter o Etias:

Para obter o Etias é preciso preencher um formlário de candidatura online que pedirá informações básicas. Essas informações são: nome, endereço, data de nascimento e dados do passaporte.

Tempo de resposta para ter o Etias:

O tempo de resposta para obter o Etias será de 15 dias, é o que prometem.

Etias pode ser negado ou não?

É possível ter o Etias negado, mas 95% das candidaturas serão aprovadas, é o que aponta a Comissão da União Europeia.

Terá que pagar alguma taxa para ter o Etias?

Sim, os turistas (no caso do Brasil) vão ter que desembolsar uma quantia de de 7 euros para obter o documento (cerca de R$ 37 pela cotação da última quarta-feira, 18). Porém, menos de 18 anos e pessoas acima de 70 não pagam.

O pagamento pode ser feito online por via cartão de crédito ou débito.

Será preciso apresentar o Etias em algum lugar?

A isenção do visto aprovada no Etias vai ser conectada ao passaporte do viajante usado na candidatura e vai ser verificada quando a pessoa cruzar uma fronteira externa do Schengen.

Previous post Encarregado de Obra – Porto
Next post Vagas de Assistentes de RH (1.200 euros) – Porto